Microsoft aumenta sustentabilidade do Azure com ferramenta que identifica impacto das emissões de carbono

Microsoft aumenta sustentabilidade do Azure com ferramenta que identifica impacto das emissões de carbono

Microsoft Emissions Impact Dashboard foi disponibilizado de forma geral para organizações

A Microsoft anunciou a disponibilidade geral do Microsoft Emissions Impact Dashboard (Painel de Impacto de Emissões da Microsoft), uma ferramenta que ajuda os clientes da nuvem Microsoft a entender, rastrear, relatar, analisar e reduzir as emissões de carbono associadas ao uso da nuvem. O Emissions Impact Dashboard foi introduzido em janeiro de 2020 como a “Calculadora de Sustentabilidade da Microsoft”.

O painel fornece transparência sobre as emissões de gases de efeito estufa associados ao uso dos serviços de nuvem da Microsoft e permite uma melhor compreensão das causas básicas das mudanças nas emissões. As organizações podem medir o impacto do uso da nuvem Microsoft em sua pegada de carbono e podem reduzir as emissões por mês, por serviço e por região de data center. 

A ferramenta também permite que os clientes entrem em cargas de trabalho não migradas e obtenham uma estimativa da economia de emissões ao migrar para a nuvem Microsoft, enquanto a recém-adicionada proteção de dados permite que os administradores façam um filtro de quem pode receber essas informações.

“À medida que os serviços em nuvem continuam a crescer, seu impacto no meio ambiente não pode ser negligenciado. É por isso que hoje estamos anunciando a disponibilidade geral do Microsoft Emissions Impact Dashboard, como parte do compromisso de lidar com nosso próprio impacto ambiental e ajudar nossos clientes a fazer o mesmo.”, diz Kees Hertogh, gerente geral de Marketing Global de Produtos da Microsoft.

Fonte: Segs

Imagem: Unsplash




Não há comentários neste post

Adicione a sua sua