Google Cloud lança nova designação para APIs empresariais

Google Cloud lança nova designação para APIs empresariais

As APIs corporativas são regidas por um conjunto de princípios, para garantir que qualquer alteração traga o mínimo de interrupção possível para o consumidor

O Google Cloud Platform (GCP) lançou uma nova designação para um conjunto de APIs que são importantes para clientes corporativos no GCP, no Google Workspace e no Google Maps Platform. 

Essas novas APIs corporativas são regidas por um conjunto de princípios, com a intenção de garantir que qualquer alteração traga o mínimo de interrupção possível para o consumidor. 

“Tornamos muito difícil causar alterações interruptivas nessas APIs que exigiriam que nossos clientes trabalhassem”, disse Kripa Krishnan, vice-presidente de infraestrutura técnica e nuvem do Google, em entrevista à ZDNet . 

Ela acrescenta: “Nos últimos anos no Google Cloud, temos realmente tentado investir tempo para melhorar a experiência de nossos clientes em nossa plataforma […] Portanto, esta é apenas mais uma etapa. Enfrentamos algumas críticas na forma como oferecemos suporte aos clientes, especialmente com a estabilidade de nossas APIs – por exemplo, removendo APIs sem aviso prévio ou [dando aos clientes] tempo suficiente para responder tentando resolver esse problema.”

Primeiro, as APIs corporativas são regidas pelo princípio de que nenhum recurso pode ser removido (ou alterado de uma forma que não seja compatível com versões anteriores) enquanto os clientes o estiverem usando ativamente. Segundo, os usuários receberão um aviso prévio de no mínimo um ano sobre uma mudança iminente. 

Para fechar, qualquer mudança que o GCP coloque em uma API será revisada por um conselho centralizado de produtos e líderes de engenharia e vai seguir uma avaliação rigorosa do ciclo de vida do produto.

“Em um espaço de alta inovação, esperamos precisar fazer mudanças com frequência, mas não queremos que isso cause mais trabalho para nossos clientes”, afirma Krishnan.

O provedor conduziu essas mudanças em toda a plataforma de nuvem, nos últimos meses, e passou por um de seus conselhos consultivos de clientes. Hoje, as APIs do Google Enterprise, que foram designadas recentemente, são listadas como tal na Biblioteca de API e no Google Cloud Marketplace. 

Uma das outras decisões que o provedor tomou para melhorar as relações empresariais foi o lançamento de um serviço de consultoria premium chamado Mission Critical Services, além de introduzir estágios de lançamento simplificados para traçar um roteiro de produto mais previsível.

Fonte: ZDNet

Imagem: CloudPro




Não há comentários neste post

Adicione a sua sua