Microsoft lança suporte adicional para o PyTorch no Azure

Microsoft lança suporte adicional para o PyTorch no Azure

PyTorch é uma estrutura de aprendizado de máquina de código aberto, que é centrada em Python com foco em visão computacional e processamento de linguagem natural

A Microsoft anunciou, nesta semana, o PyTorch Enterprise, um novo serviço do Azure que oferta aos desenvolvedores um suporte adicional quando for utilizado a estrutura no Azure. De uma forma simples, é uma oferta de suporte comercial da Microsoft para PyTorch.

PyTorch é uma estrutura de aprendizado de máquina (AM) de código aberto, que é centrada em Python com foco em visão computacional e processamento de linguagem natural. Foi originalmente desenvolvido pelo Facebook e é, em certo ponto, comparável ao popular framework TensorFlow do Google.

O VP corporativo de comunicações da Microsoft, Frank X. Shaw, descreveu o novo serviço PyTorch Enterprise que forneceria aos desenvolvedores “uma experiência de produção mais confiável para organizações que usam PyTorch em seus trabalhos de ciências de dados”, de acordo com o site TechCrunch.

Com a nova solução, os membros do programa de suporte Premier e Unified da Microsoft vão possuir benefícios como: solicitações priorizadas; suporte prático; e soluções para hotfixes, bugs e patches de segurança. A organização também vai escolher uma versão da estrutura para suporte de longo prazo, todos os anos.

A solução de nuvem da Microsoft já fez com que seja relativamente fácil usar o programa. A empresa está investindo na biblioteca há muito tempo e, por exemplo, assumiu o desenvolvimento do PyTorch para Windows em 2020.

Como a Microsoft comentou no anúncio, o lançamento mais recente do programa vai estar integrado ao Azure Machine Learning e a organização prometeu fornecer à distribuição pública dele e o código do PyTorch obtido dos desenvolvedores.

O suporte corporativo estará disponível na versão 1.8.1 e superior no Windows 10 e uma série de distribuições Linux populares, segundo o mesmo site.

Jeremy Jancsary, pesquisador sênior da Nuance, afirmou que “Esta nova oferta de nível empresarial da Microsoft fecha uma lacuna importante. O PyTorch oferece aos nossos pesquisadores uma flexibilidade sem precedentes no projeto de seus modelos e na execução de seus experimentos”.

Ele acrescenta: “Servir esses modelos na produção, no entanto, pode ser um desafio. O envolvimento direto da Microsoft nos permite implantar novas versões do PyTorch no Azure com confiança.”

Fonte: TechCrunch

Imagem: Microsoft/Divulgação




Não há comentários neste post

Adicione a sua sua